sexta-feira, 27 de abril de 2007

Singin' in The Rain

Andando pelas ruas hoje, com trilha sonora renovada em meu Mp3, me senti um pouco a versão feminina de Gene Kelly no filme 'Singin' in the Rain'!

Cantando, me divertia em notar como nos atrapalhamos em dias de chuva, especialmente se estamos sem o necessário e indesejado gurada-chuva, ou sombrinha, como ainda digo. Todo mundo molhado, andando depressa. Para quem está com ele, o guarda-chuva é aquele objeto que ajuda atrapalhando. Sempre. Você está com a pasta, a bolsa e a sacola do mercado. E permanece molhado, segurando o tal com a outra mão, louco para chegar em casa e entrar no chuveiro, quente!

Vi alunos do Pedro Segundo, escola nos arredores de onde trabalho, literalmente encharcados. Inúmeras mulheres em cima de saltos nada adequados para a ocasião e euzinha, portando uma sandália rasteira, com os pés molhados. Gente amontoada nas marquises, na proteção da banca de jornal, dentro da churrascaria que está em frente ao ponto de ônibus. Outras tentavam se equilibrar na calçada esburacada que espirrava água a cada passo.

Carros? Eram inúmeros. Não conseguia ver onde terminava a fila deles. Buzinas e mais piscinas de água se formando no asfalto, faziam com que todos procurassem fugir da beira da calçada. Levar mais um banho em uma hora daquelas era um pouco demais.

Mais cedo, observava da janela da escola a chuva que caía forte. João, muito observador, fez seu comentário mais do que certeiro: 'Professora, você veio de sandália justo hoje!?'