sexta-feira, 27 de julho de 2007

Ilha Deserta


Responda rápido à pergunta: se você fosse para uma ilha deserta, o que você levaria? Descarte a possibilidade de levar uma pessoa. Pense em livros, discos e filmes, se nessa Ilha a tecnologia pudesse ser transportada com direito à renovação via satélite. Achei a idéia muito interessante. O que você acha de fazer sua lista? Eu vou já fazer a minha...

Da folha.com:

"Sete autores, cada um com direito a dez discos: uma discoteca e tanto para a ilha deserta."

"Ilha Deserta" , da Publifolha, é uma coleção de livretos que compilam o que nomes como os ficcionistas Carlos Heitor Cony, colunista e membro do Conselho Editorial da Folha, e Moacyr Scliar, colunista da Folha, os músicos Tom Zé e Arnaldo Cohen, o economista Eduardo Giannetti ou a psicanalista Maria Rita Kehl carregariam para suas ilhas.

São três os volumes que abrem a série, coordenada por Arthur Nestrovski, articulista da Folha, professor de literatura da PUC-SP e editor da Publifolha.

"Ilha Deserta - Discos" tem textos de sete "Robinsons Crusoé" (Tom Zé, Arnaldo Cohen, Céline Imbert, Eduardo Giannetti, Lia Rodrigues, Luiz Tatit e Marcelo Coelho). Tom Zé, por exemplo, usou o artifício de "queimar" dez CDs com as músicas ou lados de discos que mais gosta.

"Não queríamos fazer um guia, um mini 'Cânone Ocidental'. A orientação dada a todos foi que escolhessem não os que acreditam ser os melhores livros, discos ou filmes, mas trabalhos que ilustrassem suas paixões pela literatura, pela música e pelo cinema", contou Nestrovski.