sexta-feira, 21 de dezembro de 2007

Somewhere In My Memory

'Candles in the window,
shadows painting the ceiling,
gazing at the fire glow,
feeling that gingerbread feeling.
Precious moments,
special people,
happy faces,
I can see.

Somewhere in my memory,
Christmas joys all around me,
living in my memory,
all of the music,
all of the magic,
all of the family home here with me'

O Blog 'Psicologia de Um Vencido' deseja aos seus amigos e leitores um excelente Natal, repleto de alegrias. Um ano de 2008 pleno de realizações.

Obrigada pelas visitas e por fazer desse espaço um lugar de bate-papo agradável. Uma das melhores coisas de se ter um blog é poder conhecer pessoas interessantes e poder interagir com elas.

Um beijo no coração de vocês!
Cyntia

domingo, 16 de dezembro de 2007

'Papá Noel futbolero': Futebol e Bom Humor aos Domingos

Em tempo de festas e Natal, nada melhor do que uma entrevista com o Papai Noel para saber o que ele reserva para alguns personagens do mundo da bola. A fonte da entrevista é a revista 'Don Balón' dessa semana. E claro, o território que ele escolheu visitar primeiro é o país do Real Madrid, Barcelona, Atlético e Valência.

Segundo esse simpático velhinho, os pedidos foram muitos. Quase todos parecidos. Uns querem se livrar do rebaixamento, outros querem ser campeões. Entretanto, ele teme não conseguir contentar a todos de uma só vez. Como meu humilde blog é lido por um grupo seleto de pessoas, não haverá problema de vazamento de informações.

O primeiro pedido vem de Luiz Aragonés. Ele quer muito a Eurocopa. Papai Noel disse que pensará no assunto, porque caso a Espanha vença a competição, agüentá-lo será uma dura tarefa...

O presidente do Barcelona, Joan Laporta, levou um puxão de orelhas. Ele deve viajar menos e se distrair menos. Prestar mais atenção ao que se passa no departamento de futebol. Segundo o Noel, Laporta tem dentro de si um desejo de consertar o mundo, de querer ajudar os pobres. Só que para isso, já existe alguém responsável. Pelo visto, Santa Claus não quer concorrência...

Frank Rijkaard vai ganhar de presente o 'Código de Disciplina' do Barcelona. Esse livro de que todos falam, mas que ninguém viu até agora. Só assim, seus jogadores o respeitarão mais, e ele, finalmente, poderá implantar a ordem na casa dos catalães. Será? Bem, isso é entre Papai Noel e Sr. Frank.

Ronaldinho será surpreendido. Ganhará uma academia só para ele na sua faraônica casa, para que ele possa usá-la quando estiver longe dos treinamentos. Ele está precisando manter a forma...

Eto'o será agraciado mesmo. Já sabendo que sua coleção de carros chegou a 15 veículos, o distinto senhor de gorro vermelho reserva para o camaronês o modelo mais novo do Rolls Royce, já que esse é o único que falta na sua garagem, ou será estacionamento?

Pobre Henry. Mal chegou à Espanha, fez seu pedido e não será atendido. Afinal, no ano passado ganhou um plano de aposentadoria de 36 milhões de euros por 4 anos. Já é o bastante. Para quê mais alguma coisa?

Mijatovic, que ainda está em Madrid, ganhará um novo estoque de gel para os cabelos e um perfume de álcool para que possa ser burrifado no vestiário. Essa eu não entendi, não!

Robinho, como Eto'o, vai ganhar um objeto para sua locomoção, só que em campo: uma bicicleta novinha em folha. Uma para que ninguém possa pará-lo...

Para David Beckham, mesmo nos EUA, uma equipe de futebol porque aquela em que ele está não pode ser assim chamada...

José Mourinho vai ganhar de bandeja um pacote de ingressos para todas as óperas e eventos culturais de Barcelona. Ficará de reserva para quando ele voltar à cidade pela porta da frente...

Para Agüirre, do Atlético de Madrid, um relógio com cronômetro para que ele possa, desde já, marcar seu recorde de permanência no banco de reservas...

Para Agüero, uma camisa com a seguinte mensagem: Quem é Torres?

E falando nele, para não gerar ciúmes, Torres vai ganhar a sua camisa também. Nela virá escrito: De vermelho estou mais bonito. O branco não me caía bem...

Treinador de Torres nos 'Reds', Rafa Benítez poderá escolher entre um livro de gramática inglesa ou 15 jogadores espanhóis. Tudo para facilitar a sua comunicação em campo...

E para finalizar, o generoso homem do pólo norte reservou ao Koeman, o coach holandês do Valência, o livro 'Tintim em Perigo'. Opa, Tintim? Eu quero pra mim! Ah, Papai Noel, manda o livro dele pra mim. Eu me comportei bem nesse ano...

Fábregas: 'Esqueceram de Mim!'

Milan Campione!

O triunfo rossonero

Como bem disse o comentarista da ESPN Brasil, João Palomino, sobre Inzaghi: "Ou a bola bate nele, ou a bola sobra para ele."

Fato é que ele marcou dois gols nessa partida, a final. Fato é que ele marcou os gols do título da Champions. Fato é que o Milan vence o Liverpool e vence o Boca Juniors, dois adversários que já o haviam derrotado no passado. Fato é que o Milan, com 4 troféus, é o maior vencedor do Mundial de Clubes.

Kaká, prestes a ser ratificado como o melhor de 2007 pela FIFA, foi escolhido o melhor jogador do confronto.

Tiro meu chapéu para eles!

sexta-feira, 14 de dezembro de 2007

Como desmontar uma bomba!

A receita vem da Europa, da Irlanda, de Dublin e é assinada pela equipe do U2. Na verdade, essa é a tradução do último álbum da banda, lançado em 2004. A história é que só hoje escutei o álbum pela primeira vez. Exatos 3 anos depois! Por isso que eu digo, sempre há tempo para voltar atrás e redescobrir coisas novas. Ou não tão novas assim.

'City of Blinding Lights' foi a música que me fez correr atrás desse álbum. Assisti ao filme 'O Diabo Veste Prada' e essa música é parte da trilha sonora. Muito boa. Faz lembrar 'Where the streets have no name'.

A música foi composta em homenagem à cidade de Nova Iorque. Bono teve a idéia de escrevê-la ao retornar aos EUA após os atentados de 11 de setembro. Durante um dos concertos, ele pode ver a emoção e a paixão no rosto das pessoas no momento em que as luzes anunciavam o início da performance da banda. Magnífico. E Bono + U2 é tudo de bom!

Ótimo final de semana para vocês!


'The more you see the less you know
The less you find out as you go
I knew much more then than I do now

Neon heart dayglo eyes
A city lit by fireflies
They’re advertising in the skies
For people like us

And I miss you when you’re not around
I’m getting ready to leave the ground….

Oh you look so beautiful tonight
In the city of blinding lights

Don’t look before you laugh
Look ugly in a photograph
Flash bulbs purple irises
The camera can’t see

I’ve seen you walk unafraid
I’ve seen you in the clothes you made
Can you see the beauty inside of me?
What happened to the beauty I had inside of me?

And I miss you when you’re not around
I’m getting ready to leave the ground

Oh you look so beautiful tonight
In the city of blinding lights

Time… time
Won’t leave me as I am
But time won’t take the boy out of this man

Oh you look so beautiful tonight
In the city of blinding lights

The more you know the less you feel
Some pray for others steal
Blessings are not just for the ones who kneel… luckily'

quinta-feira, 13 de dezembro de 2007

'Kaká accende la luce'

Dessa forma a Gazzetta dello Sport anuncia o Milan como vencedor do confronto com os japoneses do Urawa Reds Diamonds, válido pela semi-final do Mundial de clubes no Japão.

Infelizmente, não pude assistir ao confronto, mas de fato, o passe de Kaká para o gol de Seedorf foi uma pintura precisa, diga na um artista, como ele. Artista da bola, claro!

Assim, dia 16 de dezembro, encontro marcado com a final mais do que anunciada entre Milan e Boca Juniors. Será uma bela partida. A escola italiana do 'catenaccio' versus a escola argentina de classe e talento, representada pelo Boca Juniors.

Um fato curioso envolve essa partida. Ambas as equipes conquistaram até agora 3 troféus, número máximo até então de conquistas, somente atingido pelas referidas finalistas desta edição, mais São Paulo, Peñarol, Nacional e Real Madrid.

Deixo para vocês, o palpitômetro. Não me surpreenderia que a decisão venha dos pés do 'Pallone D'Oro', Kaká. Seria para fechar com chave de ouro seu ano de sucessos.

Kaká e Seedorf, men of the match.


Foto do Post: Gazzetta.it

terça-feira, 11 de dezembro de 2007

They Dance Alone by Sting

segunda-feira, 10 de dezembro de 2007

O 'Bidone D'Oro'

Acabou o suspense......... Que rufem os tambores...... Hoje, se conhece enfim o grande vencedor do 'Bidone D'Oro'. Vale lembrar que esse prêmio é uma criação do programa Catersport, da Radio2 (RAI) da Itália que possui uma transmissão humorística sobre futebol.

Adriano Leite Ribeiro, jogador da Inter de Milão, conquista o bi-campeonato. Uma façanha conseguida por poucos. Irritar sistematicamente os torcedores do futebol italiano.

Nesse ano, o segundo lugar ficou com o goleiro Dida e o terceiro com Ronaldo, o ex-fenômeno, duas vezes vencedor do prêmio da Fifa de melhor jogador do mundo. Curioso como os times de Milão estão com os três pernas de pau de 2007! Um, venceu a Champions League e o outro é bi-campeão do Calcio.

Veja abaixo as colocações e o número de votos recebidos:
1. Adriano - 2.616
2. Dida - 1.422
3. Ronaldo - 1.110
4. Ricardo Oliveira - 862
5. Tiago - 785
6. Cassano - 771
7. Jimenez - 723
8. Tristan - 613
9. Coco - 590
10. Gilardino - 414


No blog 'Psicologia de um Vencido', a eleição foi decidida em um único dia, praticamente. Nossos leitores, assim como parcela significativa dos italianos, também foram generosos ao conceder o prêmio a Adriano. Não teve páreo para ele aqui também não. Os 'marcadores' do blog foram tão ou mais rigorosos quanto os zagueiros que Adriano enfrentou quando esteve em campo nessa temporada. Implacáveis!

Os dois outros preferidos de nossos leitores foram Fernando Couto e Antonio Cassano, com dois votos cada. Lembrados por seu desempenho pífio e merecedores de voto: Simone Inzaghi, Ricardo Oliveira, Emerson, Goucuff,Grosso, Muslera, Tiago, Calaiò, Kalac e Gilardino.

'A Inter me quer, a night me quer... a Inter me quer, a night me quer...'

Foto do Post: Virgilio.it

domingo, 9 de dezembro de 2007

O Segredo!

O segredo 1: pense positivo
O segredo 2: escreva o que deseja

Moral da história, a Sampdoria perdeu da Udinese levando 3 gols. Quagliarella não só marcou 2 gols, como foi o responsável pelo gol da virada. Tudo bem, ele está perdoado... Não consigo ter raiva dele por isso. Aliás, acho que essa coisa de não comemorar gol porque se repseita o ex-clube é baboseira, sabe. Gol é gol! Marcou tem que comemorar! Cassano foi destaque novamente. Que a boa fase venha para ficar e traga vitórias. Castellazzi, como sempre, generoso com os chutes de fora da área...

Bellucci bem que tentou, mas não foi dessa vez.


Palmas para a Juventus que no apagar das luzes, com Pavel Nedved, vence a Atalanta, em Turim. Já fazia tempo que não via um jogo narrado pelo Gianni Cerquetti da Rai. A voz dele é inconfundível. Na hora do gol ele gritou: "Clamoroso vantaggio della Juventus all'Olimpico di Torino!" Ah, eu fiquei pensando, 'clamoroso perchè?' Até parece que a Juve não pode vencer a Atalanta?

Nedved e seu tiro preciso no marcador.


Vaias para a Roma que mais uma vez abre o marcador e deixa o adversário empatar a partida em poucos minutos. O gol de De Rossi nada adiantou, pois o Livorno num único lance igualou o marcador. Spalletti é toscano. A Roma empatou com a Fiorentina, Empoli e Livorno. Isso é que é sina, de vencer somente o Siena!

E o 'Oscar do Poker' vai para dois times nesse fim de semana. Primeiro, a Inter, que não teve pena do Torino. 4 a o! Ibrahimovic abre o marcador de pênalti. Em seguida, marcam Cruz, Jimenez e Cordoba. E a distância para a Roma aumenta ainda mais. Segundo, o Empoli, do recém chegado Malesani. 4 a 1 no Cagliari. Na crônica da Gazzetta está assim: 'One man show'. Por que? Simples. Os 4 gols dos toscanos foram marcados pelo atacante Pozzi. Depois de perder em Parma, os empoleses vencem a Juventus pela Coppa Italia e vencem os sardos com um placar bem generoso. E sabe da maior? O presidente do Cagliari, o Cellino, já está pensando em trazer o Giampaolo de volta. Ah, fala sério!

Pozzi: 'One man show'

Bebê a bordo!

O blog 'Psicologia de Um Vencido' dá as boas vindas ao pequeno Henrique, primogênito de Rodolfo Moura, blogueiro amigo e editor do 'Calcio Serie A'. O pequeno chegou na última quarta-feira, dia 5 de dezembro. Como bem escreveu seu pai, orgulhoso e feliz, o bebê é 'forte, robusto e lindíssimo.' Muitas felicidades e muita saúde para ele!

'Já fui sonho... projeto ... feto...
Hoje, sou como o raiar de um novo dia,
O brotar de uma semente,
O desabrochar de uma flor!
Sou como uma doce melodia,
Com autor e partitura,
Só preciso que me "toquem" com ternura,
Para que eu possa ser gente!
Do bem, quero ser sempre contexto,
Não nasci para ser avesso!
Sou portador de sol,
Trago luz,
Alegria e esperança,
Afinal sou criança.'

Walter Pimentel / Isabel Guerreiro

Futebol e Bom Humor aos Domingos

Na falta do Kinder Ovo e da Coca-Cola, Fábregas fica com a bola mesmo

De Cesc Fábregas, volante espanhol: "Quando marquei meu primeiro gol com a camisa do Arsenal, comemorei com uma coca-cola e um kinder ovo." Essa frase pode ter duplo sentido, né Senhor Fábregas? Fiquei imaginando se você chamou uma coca-cola e um kinder ovo para festejar com você, em campo... hehehe


Aquela polêmica cabeçada de Zidane em Materazzi no ano passado, na final da Copa, rendeu uma frase memorável de Fabio Cannavaro: "Não vi a cabeçada, mas pude ouví-la, e bem." Será Zidane um autêntico cabeça oca? Se tomarmos como exemplo o que ele fez...


Don Fabio, o 'preferido' de Lady e do blogueiro português JP, apenas saiu do Madrid e disse: "Treinar a Seleção Espanhola? E ter que enfrentar vocês jornalistas espanhóis de novo? Nãããããooo!!"
Uma explicação para ele. Na verdade é a Espanha e sua classe de jornalistas, mais a população e a família real que devem ter pensado: "Fabio Capello na 'Fúria'? Nããããoooo! Perderíamos de W.O, pois ele iria afastar o elenco todo! Não ia sobrar ninguém."


E para terminar o domingo de humor, Rafa Benítez, treinador do Liverpool, mostrando toda sua sabedoria em 'Cuentos de Hadas': " Se a direção do Chelsea é ingênua e pura, eu sou a Chapeuzinho Vermelho". Uma foto para documentar...

Benítez e Mourinho: Chapeuzinho Vermelho e Lobo Mau?

Semana que vem tem mais!

fonte: Revista Don Balón

quinta-feira, 6 de dezembro de 2007

E lui fa 400!

Palmas para ele. Ele merece!

Domingo em Udine será a ocasião para Sergio Volpi, regista da Sampdoria, festejar 400 partidas como profissional.

Imagine se isso passaria em branco para mim? Além do mais, será o encontro entre Quagliarella e seu ex-clube. 'Quaglia' frequentou essas páginas quando navegava nos mares da Ligúria. Agora em Udine, para não manchar minha fé 'doriana' deixei o rapaz um pouco de lado. Mas domingo vai ser difícil...

Voltando ao 'meu capitano', ele iniciou sua carreira no Carrese, clube da C1, em 1994. Posteriormente defendeu as cores de Brescia, Bari, Venezia e por fim as da Samp, clube em que se encontra desde 2002. Na sua carreira dorinana, Volpi já marcou entre Serie A e B 21 gols e esteve na 'Azzurra' por duas vezes.

Não seria nada mal comemorar o dia com um belo gol!? Do Sergio Volpi, claro!

Auguri Capitano!

quarta-feira, 5 de dezembro de 2007

The Police

Conheci 'The Police' assim. Embora prefira Sting em carreira solo, não dá para esquecê-los.

63!


Matador: expressão no futebol que designa aquele jogador especialista em fazer gols. O goleador, o artilhiero, o bomber... enfim, inúmeros sinônimos e apenas 1 na Europa: Filippo Inzaghi!

Ele é o homem. Ele é o 'matador' dos gramados europeus. Desde ontem, 4 de dezembro, Inzaghi deixou seu nome na história. Ele superou o alemão Gerd Müller na tabela de artilheiros de todos os tempos nas Competições Européias de Clubes. Não é pouco não para um jogador de 34 anos e com uma saúde de ferro. Ele sim deveria ter o apelido de 'inoxidável rossonero'.

No Milan desde a temporada 2001-2002, Inzaghi, mesmo não sendo uma unanimidade no clube, nesse time de estrelas, consegue fazer a diferença quando necessário. A última Champions? Quem marcou os 2 gols do rubro-negro de Milão? Se você respondeu Pippo Inzaghi, acertou!

Prestes ter início, o Mundial de Clubes no Japão contará com a presença dele. Acho que os torcedores nem vão sentir tanta falta de Ronaldo assim... Afinal, ele vai ou não vai para o Japão?

domingo, 2 de dezembro de 2007

França: ela de novo? E de novo?

Não agüento mais os embates entre França e Itália. Achei que já tinha tido minha cota de desespero ao final daas eliminatórias para a Euro do ano que vem. Bem antes, achei também, que a sina havia acabado na Copa de 06. Resquícios de 2000 ainda pairavam na minha cabeça e as lembranças de 98, embora longínquas, às vezes surgem na memória! E pênalti para lá e pênalti para cá. Gol de Ouro... Trezeguet... Sem contar a França e o Brasil. Nos dão trabalho. 86...98...06. Chega!

Hoje de manhã, incrédula, olhava a tv que mostrava a configuração dos grupos. Holanda, Itália, França e Romênia. Dizer mais o quê?

Perdoem-me pelo uso do bordão: Ninguém merece!!!! Não foi bem isso que pensei na hora, mas poupo vocês de palavras mais azedas nesse momento...

Grupo A

Suíça
República Checa
Portugal
Turquia

Grupo B

Áustria
Croácia
Alemanha
Polónia

Grupo C

Holanda
Itália
Roménia
França

Grupo D

Grécia
Suécia
Espanha
Rússia


Se serve de consolo, Domenech treme diante da Azzurra.

sábado, 1 de dezembro de 2007

Goodnight Song


Here on the stage
The time has come
With the strains of "be my angels!", of rock in two four
Time may keep alive that old swang song
That we’ve been playing forever
Till the time maybe right to say goodbye
My voice is aching, I’m tongue tired
And the sounds we are making are so uninspired

Goodnight song, played so wrong
Blame the crowd, they scream so loud, so long

Get some honesty
Take the best of me and then the rest let go
In every situation with it’s tireless rage
Step outside your cage and let the real fool show
I should have stayed round to break the ice
I thought about it once or twice
But nothing ever changes unless there’s some pain
And our...

Goodnight song, played so wrong
Blame the crowd, they scream so loud, so long