segunda-feira, 17 de agosto de 2009

'PDV Premier'

Arsenal 6 X 1 Everton. Fosse pelo resultado, empolgação total. Sendo pelo Arsenal, cautela. Um Fábregas (que homenageou o compatriota Jarque, do Espanyol, morto semana passada) em boa forma. Um jovem Denílson veterano e um Arshavin inspirado. Um 'ás' franco-anglicano no banco de reservas. E teve gol do brasileiro Eduardo da Silva. Mais uma vez o Arsenal desponta como um time que pode surpreender. Pera aí. Mas já não foi assim nos anos passados? O negócio é sentar no sofá e curtir o futebol dos 'meninos franco-atiradores de Londres'. E como diria aquele provérbio chinês, 'receber o que vier...'

O Tottenham surpreendeu ao vencer o Liverpool por 2 a 1. Na crônica do site Trivela, uma frase que sintetiza o tom do jogo: 'o Tottenham mostrou o que não mostrava há tempos: atitude.' O time de Abbey Road estava sem-graça...

O Manchester United sofreu. E Rooney foi o man of the match. Aliás, fez o que dele se espera após a saída de C. Ronaldo, assumiu o comando do time. Do outro lado de Manchester... Aliás, existe algo do outro lado de Manchester? Ah, se Liam e Noel Gallagher visitassem esse blog... Então, para constar, o time do City venceu também. Tevez começou no banco e entrou substituindo o inodoro, insípido e incolor (isso mesmo) Robinho. Adebayor marcou o primeiro gol e o time do OASIS venceu por 2 a 0.

O melhor no final, que na verdade foi o início. Carletto Ancelotti seguindo a tradição catenaccio italiano, fez um Chelsea à sua imagem e semelhança. Mas tinha um Drogba cheio de gás em campo e não avisaram para ele que na Itália o negócio é não perder. O gol salvdor ou vilão veio no finalzinho. Essa promete ser uma novela dos que nada sabiam. Não sabia Abramovic que ao contratar Ancelotti, assinava com um treinador retranqueiro? Não sabia Drogba que Ancelotti preferia ver o empate, pois é mais seguro empatar do que perder? Perguntas, muitas perguntas ainda sem repostas.

Fotos do Post: BBCSport.co.uk